Ad Clicks : Ad Views :

4 perguntas que você deve fazer ao ler a Bíblia – Minuto de Estudo da Bíblia

4 perguntas que você deve fazer ao ler a Bíblia

1 João 1: 5-9 : Esta é a mensagem que ouvimos dele e declaramos a você: Deus é luz; nele não há escuridão alguma. Se afirmamos ter comunhão com ele e ainda andar na escuridão, mentimos e não vivemos a verdade. Mas, se andarmos na luz, como ele está na luz, temos comunhão uns com os outros, e o sangue de Jesus, seu Filho, nos purifica de todo pecado. Se afirmamos estar sem pecado, nos enganamos e a verdade não está em nós. Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo e nos perdoará os pecados e nos purificará de toda injustiça.

Quais perguntas você está fazendo?

O que obtemos da Bíblia depende em grande parte dos tipos de perguntas que fazemos ao ler o texto. Mas como sabemos quais são as perguntas certas a serem feitas? Jesus providenciou um bom ponto de partida quando resumiu os dois maiores mandamentos: (1) amar a Deus com todo o nosso ser e (2) amar nosso próximo como a nós mesmos Mt 22: 34-40 ). Destes dois mandamentos, podemos fazer quatro perguntas básicas para nos ajudar a crescer em nosso relacionamento com Deus.

 que aprendemos sobre Deus?

Deus é o personagem principal da Bíblia, o herói da história. Então, faz sentido que a primeira pergunta que fazemos é o que aprendemos sobre ele. As escrituras revelam quem é Deus de maneiras diferentes.

Primeiro, nos mostra seu caráter ou seus atributos. Às vezes, a Bíblia afirma isso diretamente (por exemplo,  Isaías 6: 3 ). Em outras ocasiões, você precisa inferir verdades sobre seu caráter (por exemplo,  1 Rs 22: 1-40 ). Mesmo em um livro como Esther, onde Deus nunca é referido diretamente, há muito o que aprender sobre ele.

Em segundo lugar, a Bíblia nos mostra a conduta de Deus. O que vemos Deus fazendo em uma passagem nos diz quem ele é. Um bom exemplo é o Salmo 23 , que descreve várias coisas que Deus faz por seu povo: liderar, restaurar, consolar, preparar e ungir. Prestar atenção ao que Deus está fazendo em uma passagem nos ajuda a crescer em nossa compreensão de Deus.

O que aprendemos sobre as pessoas?

Cada passagem tem algo a nos dizer sobre a humanidade. Vamos abordar essa questão de diferentes ângulos.
O primeiro ângulo é procurar no texto por aspectos do que significa ser criado à imagem de Deus ( Gn 1: 26-28 ). Que anseios ou desejos a passagem revela que são expressões de ser feito à imagem de Deus?
O segundo ângulo é procurar a (s) condição (ões) caída (s) que ela expõe. A condição caída refere-se às crenças, atitudes, sentimentos, ações ou tendências pecaminosas mencionadas ou implícitas no texto (por exemplo,  Provérbios 6: 16-19 ). Como criaturas caídas, experimentamos os mesmos tipos de tentações e batalhas com a idolatria descritas no texto, mesmo que tenham formas diferentes em nossas vidas hoje.

O que aprendemos sobre como se relacionar com Deus?

Amar a Deus com todo o nosso entendimento assume muitas formas. Um bom lugar para começar é considerar o que devemos louvar a Deus (por exemplo,  1Pe 1: 3-5 ). Muitas vezes isso fluirá do que aprendemos sobre Deus – seu caráter, conduta e preocupações.

Segundo, reflita sobre que pecado você precisa confessar e se arrepender  (1Jo 1: 5-9 ). Considere as maneiras pelas quais você vê a condição caída em ação em sua vida e confesse isso a Deus. Que passos tangíveis de arrependimento você precisa fazer à luz do que o Espírito lhe mostrou?

Finalmente, procure por promessas que você precisa acreditar ( 2 Pe 1: 3-4 ). Pense em que aspectos do evangelho estão presentes na passagem e como Deus quer mudar você através dela.

O que aprendemos sobre como relacionar-se com os outros?

Deus nos fez para estar em comunidade uns com os outros. Ele nos torna parte do corpo de Cristo e nos chama a ser uma luz para aqueles que nos rodeiam. Deus colocou pessoas ao nosso redor com as quais devemos interagir: família, amigos, colegas de trabalho, colegas, vizinhos, etc. Alguns são crentes, outros não. Independentemente disso, a Bíblia tem muito a dizer sobre como devemos interagir com os outros (por exemplo,  1Pe 2: 11-25 ).

Lembre-se, o objetivo final da leitura da Bíblia é que nossas vidas sejam transformadas por Deus, de modo que nos assemelhemos ao nosso Senhor Jesus. Ao fazer estas quatro perguntas simples, concentramos nossa atenção na mensagem principal da Bíblia e nos prepara para aplicar as verdades bíblicas às nossas vidas de maneira significativa. Por que não experimentar por si mesmo?

 

  • Facebook
  • Google+
  • Reddit

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This div height required for enabling the sticky sidebar